Quer estar a par das novidades imobiliárias em Braga?

Subscreva a nossa newsletter e receba primeiro no seu email os mais recentes imóveis à venda!

Ao subscrever a newsletter está a concordar com a nossa Política de Privacidade.

Animais de estimação: cuidados a ter no verão (e no ano inteiro)

Hoje em dia os animais de estimação são como membros da família e sobre isso já não restam dúvidas. Porém, com os dias de calor que se fazem sentir, não é fácil para muitos donos conseguir viajar com animais de estimação de forma adequada.

 

Neste artigo elaborámos uma pequena lista de cuidados a ter com animais domésticos durante o verão, seja nas escapadinhas pelo país fora, no estrangeiro ou quando passas mais tempo em casa.

1. Os animais de estimação devem beber muita água

A permanente hidratação dos animais de estimação é o primeiro passo para mantê-los saudáveis na temporada quente, pois ajuda na regulação da temperatura corporal. Segundo os veterinários, os cães e gatos deve ingerir, por dia, entre 80 a 100 ml de água por quilo.

 

Como tal é importante ajudar o cão a beber muita água, sendo que um dos melhores truques é deixar vários bebedouros com água fresca pela casa. Alguns animais mais brincalhões também não se importam de roer um cubo de gelo, mesmo que possa parecer inicialmente complicado.

2. Proteger os animais da radiação solar

Tal como os humanos, também os animais de estimação devem ser protegidos da radiação solar, nomeadamente nas horas em que é mais intensa. Por natureza, os animais vão sempre procurar um sítio com sombra na tua casa, seja debaixo da cama, de uma mesa ou dentro da casota.

 

De qualquer maneira poderá ser pertinente aplicar protetor solar nos animais de estimação - em zonas como nariz, orelhas ou barriga. Nas praias pet friendly deixa o teu cão banhar-se tranquilamente e aproveita a companhia do teu animal de estimação.

3. Cuidado com as patas!

Sabias que a temperatura do asfalto é sempre superior à temperatura do ar? É importante levar o cão a passear nas horas mais amenas, para evitar queimaduras nas almofadas plantares.

 

Podes, por exemplo, levar o teu cão a passear logo de manhã ou ao final do dia. Atenção especial com as raças de cães nariz achatado, como os bulldogs franceses ou ingleses, que têm muita dificuldade em respirar com as temperaturas elevadas.

4. Toalhitas para animais: como utilizar para refrescar

O calor é sinónimo de maus odores, que se proliferam muito rapidamente pelo lar. As toalhitas húmidas para os animais de estimação ajudam a limpar a sujidade e a deixá-los muito cómodos.

Este é um acessório indispensável para os donos de cães e gatos. Para desinfetar as patas deves fazê-lo sempre com suavidade e sem ser autoritário com o teu amigo.

 

Deves ainda utilizar uma toalhita para cada pata e outra para o pêlo e zonas ao redor da cara. Para limpezas mais profundas é preferível dar banho ao animal de estimação com shampoo apropriado e a água deve estar morna - entre 30 a 35 graus.

5. Tapete refrescante: uma solução para cães e gatos

Esta não é uma solução muito conhecida, mas promete proteger os animais de estimação pequenos e grandes do calor excessivo, agradando tanto a cães como a gatos. 

 

Antes de comprar um tapete refrescante, deves verificar quais são as dimensões que necessitas para deixar o teu cão ou gato confortável.

 

Podes seguir o tamanho da cama em que se deita, ou medir a zona onde o teu amigo de quatro patas passa mais tempo para que ele não tenha de mudar de lugar sem querer. Com apenas um clique, podes comprar um tapete refrescante para cães e gatosonline em diferentes lojas ou até em supermercados.

6. Aparar em vez de cortar o pêlo por completo

Cortar o pêlo dos cães é um hábito comum durante o verão para quem tem poodles, golden retrievers ou shih-tzus.

 

No entanto, em vez de cortar o pêlo totalmente é preferível cortar as pontinhas ou apenas escovar quando notares que existe muito pêlo espalhado pela casa. Desta forma, o pêlo não perde a sua função e continua a ajudar na termorregulação do corpo do teu animal doméstico.

7. Desparasitante interno: em cães e gatos

O calor é mais do que razão suficiente para o aparecimento de pulgas e carraças nos teus animais. Também poderão surgir moscas e mosquitos nas zonas do lar por onde o animal repousa. Todas estas pragas são transmissoras de doenças e alergias perigosas.

 

Em qualquer farmácia ou clínica veterinária é possível comprar desparasitantes externos para cães e gatos, mas convém reaplicar desparasitante interno durante os meses de calor. São uma prioridade e combatem eventuais situações de anemias e verminoses. Os desparasitantes internos estão disponívelis no mercado como pastas orais ou comprimidos. 

8. Viajar com o animais de estimação: aspetos a ter em conta

Na hora de preparar as tuas férias de verão com o teu companheiro de quatro patas certifica-te que procuras hóteis ou casas de férias que aceitem animais de estimação, faz a reserva e estás pronto para a viagem.

 

Vais viajar de carro com o teu animal de estimação? Quando estacionas nas áreas de serviço convém deixar alguma janela ligeiramente aberta, afinal ninguém quer que o seu animal morra abafado pelo calor. Além disso, deves procurar a melhor forma para fazer o transporte de animais, para que a viagem possa correr sem precalços. 

 

Quanto às viagens de avião faz com que estas não gerem ansiedade para o teu animal de estimação. Por exemplo, não deves sedá-lo caso viaje no porão. Aconselhámos à leitura de todas as condições de transporte de animais de estimação na companhia área com a qual decides viajar.

 

Por último, mas não menos importante, os documentos necessários para viajar com animal de estimação (cão, gato ou furão) dentro da União Europeia são:

 

  • Passaporte de Animal de Companhia da União Europeia, emitido por um médico veterinário autorizado;
    - Microchip ou tatuagem de identificação legível, cuja aplicação seja anterior a 3 de julho de 2011;
    - Vacinado contra a raiva com uma das vacinas validadas pela Direção Geral de Alimentação e Veterinária.

 

Temos a certeza que estes conselhos servirão de manual de sobrevivência no verão para quem tem animais de estimação e está um pouco desorientado. Para outras questões convém informar-se com o médico veterinário.

16 de Agosto de 2022

Sara MartinsAssistente de Marketing

Vais viajar com animais de estimação nestas férias? Segue a lista de cuidados a ter no verão com os teus melhores amigos.

Quer estar a par das novidades imobiliárias em Braga?

Subscreva a nossa newsletter e receba primeiro no seu email os mais recentes imóveis à venda!

Ao subscrever a newsletter está a concordar com a nossa Política de Privacidade.
REDES SOCIAIS:

Está com dificuldades? Nós ajudamos!